Saiba como poupar com o seguro de vida do crédito habitação

Sabe ao certo o que inclui o seguro de vida que contratou ao comprar a sua casa?

Provavelmente interessa-lhe saber que a maioria das pessoas que contrataram um seguro de vida, associado ao crédito habitação, não conhecem em profundidade que tipo de coberturas estão incluídas. Se é uma delas, saiba que não é obrigatório contratar o seguro de vida no banco, pelo que pode poupar dinheiro ao contratar esse seguro com uma empresa de confiança escolhida por si.

Os bancos obrigam à contratação de um seguro de vida no crédito à habitação, pois é uma garantia que têm para que se possa assegurar que, em situações de invalidez ou morte do devedor, os pagamentos são efectuados.

Efectivamente, e apesar de praticamente ser sempre solicitado a contratação deste seguro, realmente não é obrigatório. Segundo a lei, o consumidor pode e deve informar-se deste tipo de contratações e escolher aquela que melhor se adapte às suas necessidades.

No presente artigo, iremos abordar três passos para saber como poupar no seguro de vida da sua hipoteca.

  1. Analisar

A primeira coisa que deve fazer para poupar com seu seguro de vida é analisar quais são as suas necessidades e o que o seu banco realmente lhe está a oferecer. Certamente, muitas das coberturas que lhe oferecem nem precisa delas. Portanto, o preço do seguro de vida pode ser mais barato ao ajustar o seguro de vida às suas necessidades reais.

Assim, os factores importantes a serem considerados na contratação de seguro de vida, como a idade, profissão, situação económica ou familiar, serão as características da sua apólice e, portanto, as coberturas a serem contratadas com o seguro de vida.

Por outro lado, é bastante comum que as entidades bancárias obriguem a pagar o seguro de vida baseado em comissões que se associam ao valor que já se paga pela hipoteca, fazedo com que pague mais juros do que o devido. Se for o seu caso, saiba que pode mudar o seguro de vida contratado.

Desta forma, o cliente é livre de escolher com quem contratar o seu seguro de vida, seja com que entidade for. Analise as condições gerais do seu empréstimo e comece a poupar.

Simulação Seguro de Vida do Crédito

  1. Comparar

Se chegou até aqui, é porque já se informou que não tem de contratar o seu seguro de vida com o seu banco.

Da mesma forma que quando pretende contratar eletricidade, deve analisar todas as empresas do mercado elétrico, aquilo que deverá fazer neste momento, é escolher qual a entidade e o seguro de vida que melhor se adapta às suas necessidades.

Dentro dos tipos de seguros de vida que pode contratar, deixamos alguns para que o possa ajudar a clarificar alguns aspectos:

Seguro de vida temporário: Normalmente mais barato e adequado para os mais jovens, devido à idade. Para pessoas mais velhas é mais caro devido ao risco apresentado.

Seguro de vida por incapacidade: Serve para compensar a perda de rendimento devido à incapacidade de trabalhar resultante de acidente, doença ou morte.

Seguro de vida misto: Sngloba dois seguros num só: o em vigor e o seguro de poupança. Protege o assegurado em caso de morte, e ainda recebe um beneficio em caso de sobrevivência.

Seguro de vida associado ao empréstimo: Em caso de incapacidade ou morte, garante que a divida seja paga.

Seguro de vida individual ou Duo:  O primeiro é o “clássico” e que abrange o consumir independentemente da idade ou estado civil. O segundo engloba um casal, em que ambos têm proteção no caso de faltar um deles.

  1. Contratar

Após analisar a sua situação, e ter verificado as coberturas que cada seguro lhe pode oferecer, provavelmente ser-lhe-à mais fácil tomar uma decisão e poupar dinheiro.

Hoje em dia já existem vários comparadores de seguros, bastando para isso, que aceda à internet, e consulte toda a informação disponível.

Saiba mais sobre os seguros vida associados à hipoteca.

SIMULE AQUI O SEU SEGURO DE VIDA DO CRÉDITO HABITAÇÃO:

Fácil, grátis, sem compromissos e personalizado com as melhores condições

Deixe o seu comentário

Subscribe!